sexta-feira, 27 de julho de 2018

Bandidos tombam em confronto com a polícia civil em Barro Preto


Bandidos tombaram  em confronto com a polícia civil de Itabuna na manhã dessa sexta-feira, na cidade de barro preto.

Policiais da 6ª Coorpin foram até a cidade de barro preto para realizar uma operação, e cumprir mandado de prisão. Na ação, quatro bandidos tombaram em confronto com a polícia civil.


De acordo com informações, os quatro indivíduos tirava o sossego de moradores daquela pequena cidade. Os bandidos são acusados de praticar homicídios e outros crimes.

Até o momento dois deles foram identificados, trata-se de Natan, e Daniel, conhecido como galego no mundo do crime. O Daniel e invasor do conjunto penal de Itabuna. Na ação, a polícia apreendeu drogas, armas e munição.



Atualizada com informações da Polícia Civil

Nesta manhã por volta das 06h00  foram destacadas cinco equipes para cumprimento de oito Mandados de Busca e Apreensão expedidos pela 2ª Vara Criminal,  nos bairros Bonfinzão, Centro e Antigo Lixão, Município de Barro Preto, no intuito de combater o tráfico de drogas local e continuidade das investigações sobre os homicídios acontecidos nos últimos 15 dias, em número de 4 mortes.

No endereço Rua José Lopes, vizinho ao nº 240, casa rosa, Centro, a equipe de policiais ao anunciar  sua presença foi recebida a tiros, sendo obrigada a utilizar a força necessária. Foram alvejados DANIEL DO NASCIMENTO BISPO, vulgo DANIEL GALEGO, 19 anos ; ALAN SANTOS DE SOUZA, 18 anos e um terceiro elemento ainda não identificado. No endereço foram arrecadados: um tablete de maconha prensada; 60 saquinhos plásticos contendo várias trouxinhas de maconha em seu interior, três trouxas maiores de maconha; dois revólveres calibre 38, ambos marca Taurus, modelo Special, numeração raspada, um contendo 4 cartuchos intactos e dois estojos; outro contendo quatro estojos e um cartucho “pisado”; um pente de pistola contendo vinte e seis cartuchos calibre 9mm Glock, além de 14 cartuchos calibre 38 intactos .

Alan é filho de Rosimere Santos de Souza, 34 anos, executada com seis tiros, juntamente com o companheiro Sílvio Lima de Jesus, no dia 16 de julho (Lembre o caso aqui).

NATHAN DE OLIVEIRA PEREIRA, que também estava no endereço acima, evadiu-se da casa, disparando contra a equipe de policiais que revidou, indo a óbito. Com ele foi apreendido um revólver calibre 38, marca Taurus Special contendo seis cartuchos intactos e quatro estojos.

Foi conduzido ROBERTO FERREIRA DOS SANTOS, vulgo Smith, o qual estava na Rua F, s/n, casa de esquina, Bonfinzão, tendo sido lavrado TCO por uso de droga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário