quinta-feira, 8 de novembro de 2018

Barro Preto: Representantes do conselho municipal de Assistência Social participam da CapacitaSUAS em Vitória da Conquista

Prefeitura Municipal de Barro Preto disponibiliza Representantes do conselho Municipal de Assistência social (CMAS), Ivanilde José Bomfim dos Santos,presidente do Conselho de Assistência social e Cláudia Prates da Silva, Secretária Executiva do Conselho de Assistência Social. Para participar de uma capacitação e formação continuada para potencializar o trabalho junto ao público alvo do sistema.

Esse é o objetivo da edição do CapacitaSUAS que acontece no município de Vitória da Conquista até a próxima sexta-feira (09). 
O encontro começou nesta segunda-feira (05) e é destinado a trabalhadores que atuam nos territórios Bacia do Paramirim; Médio Rio de Contas; Médio Sudoeste da Bahia; Sertão Produtivo; e Sudoeste Baiano.
Nesta fase da capacitação, estão sendo executados o curso de Introdução ao Exercício do Controle Social do SUAS e o curso de Atualização para elaboração de Planos de Assistência Social, ambos com carga horária de 40h, com certificação aos participantes que completarem 75% de freqüência.

CapacitaSUAS - A capacitação é realizada através do contrato firmado com a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, com apoio da Fundação de Apoio Pesquisa e Extensão - FAPEX.
Para a Prefeita Ana Paula e seu vice Mariano Macedo, o curso enfoca na atualização sobre a organização e a oferta dos serviços da proteção social especial, Além de mantermos este projeto, estamos sempre buscando nos capacitar. “É um grande ganho para a política de assistência social do município”, Afirmara.

O secretario de Assistência social Fabio Bomfim, disse que está sempre atualizado, e buscando melhorias aos programas da assistência, no município. Encaminhar pessoas que buscam, conhecimentos em prol de Barro Preto, é muito gratificante, assim crescemos mais, e o trabalho prevalece a toda população. 


Um comentário:

  1. Monte de filhos da puta andam perseguindo e fazendo politicagem com os direitos sociais da população.

    ResponderExcluir