quarta-feira, 28 de novembro de 2018

Em operação conjunta, Nove de Ouros do Baralho do Crime é capturado no Espírito Santo


Uma operação policial conjunta prendeu, na tarde desta terça-feira (27), um dos criminosos mais procurados da Bahia. A megaoperação foi coordenada pelo delegado Bruno Ferrari, titular do Núcleo de Homicídios e Tráfico de Drogas da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior, em Teixeira de Freitas e pelo capitão Farias, da Companhia Independente de Policiamento Especializado Cipe/Mata Atlântica, da Polícia Militar. Os agentes deslocaram-se até o estado do Espírito Santo, exclusivamente para efetuar a prisão.

Eldo Ferreira Batista, 32 anos, popularmente conhecido como "Eldinho", foi encaminhado para o Departamento de Polícia Judiciária de Vila Velha-ES. Ele é identificado como líder de uma associação criminosa que age em toda região sul da Bahia, com tráfico de drogas, assaltos e homicídios. Eldinho já foi condenado por homicídio e com acusações de tráfico de drogas, e cumpriu pena em Salvador, mas mesmo quando estava recluso e em seguida, em regime semi-aberto, não deixou de liderar o bando. O delegado Bruno Ferrari disse se tratar de uma das prisões mais relevantes para o nosso Estado. 
Eldinho ocupava o “Nove de Ouros” do Baralho do Crime da Secretaria da Segurança Pública da Bahia. A expressão "Baralho do Crime" é um dos mecanismos utilizados pela SSP-BA para divulgar os criminosos locais com cartas que remetem às do baralho, e trazem os rostos responsáveis por homicídios e crimes envolvendo o tráfico de drogas. Desta forma, a população pode identificar os criminosos e denunciá-los à polícia. O procedimento pode ser feito pelo Disque Denúncia, nos telefones 3235-0000 (capital e RMS) e 181 (interior). A identidade do informante é mantida em sigilo.

Eldo Ferreira Batista tinha três mandados de prisão por homicídio e também é investigado como mandante em outros 15 assassinatos ligados ao comércio ilegal de entorpecentes na cidade de Teixeira de Freitas e em outros municípios da região extremo-sul. A quadrilha liderada pelo traficante já estendia sua atuação para estados vizinhos, a exemplo de Minas Gerais e Espírito Santo. Além das equipes da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Corpin/ Teixeira de Freitas) e da Cipe Mata Atlântica, também participaram da prisão os policiais da Subsecretaria de Inteligência de Estado do Espírito Santo e Guarda Municipal de Vitória.


3 comentários:

  1. parabéns para nossos policiais.

    ResponderExcluir
  2. Olha bem a situação... Esse marginal, homicida, traficante, um dos lideres de facção criminosa... Agora, ele vai comer sem da um prego em uma barra de sabão, dormir a vontade e no mais, continuar dando ordens de dentro do sistema carcerário... #PenaDeMorteJá

    ResponderExcluir
  3. Parabéns aos policiais pela captura desse elemento... Agora cabe a justiça agir de maneira correta

    ResponderExcluir