sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Ladrão monitorado por tornozeleira eletrônica é flagrado furtando apartamento

João José Bastos Bensabath foi detido por equipes da 58ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM/ Cosme de Farias), na tarde desta quinta-feira (8), logo após invadir e roubar bens de um apartamento, localizado na rua Barros Falcão, em Brotas. Com o criminoso os policiais encontraram equipamentos eletrônicos, joias e outros objetos.

Preso pela nona vez, João observava os imóveis vazios para escolher qual seria furtado. Ele usava uma chave de fenda para forçar as fechaduras. Do apartamento 402, no edifício São Jorge, ele retirou uma televisão Samsung de 32 polegadas, um notebook da mesma marca, quatro relógios, joias, bijuterias, R$ 121, quatro óculos e duas chaves de fenda. 

O ladrão revelou que usava a tornozeleira por violência doméstica. De acordo com o major PM Washington Jesus, comandante da CIPM, o criminoso e o material recuperado foram encaminhados para a 6ª Delegacia Territorial (DT/Brotas).]

*Conteúdo do CORREIO

6 comentários:

  1. Opressor da morte!9 de novembro de 2018 12:05

    Por isso que eu digo: PENA DE MORTE! Tornozeleira nao impede ninguem de cometer delitos, mas 03 tiros do pescoço pra cima sim!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ainda bem que sua opinião não é relevante para o poder legislativo. E nem para merd@ nenhuma. Ele merece morrer? Não cabe a sua insignificante existência decidir

      Excluir
    2. E cabe a eles tirar a vida de alguém?
      Você do 22:30 fala isso por nunca ter sofrido algo do tipo.

      Excluir
  2. Ainda bem que ele tinha torbiseleira eletrônica, já pensou o perigo que ele representaria a sociedade se não tivesse, parece piada essa matéria mas analisemos pra que serve essa desgraça e só para encher as ruas de ladrao

    ResponderExcluir
  3. Eu ainda acredito que em 2.198 lá pra meados de Dezembro, que esse Brasil ainda tem jeito.

    ResponderExcluir
  4. Me diz aí se isso tem jeito?? Presta não tem q cancelar o CPF

    ResponderExcluir