quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Marco Aurélio envia à primeira instância inquérito contra Aécio Neves

Marco Aurélio envia à primeira instância inquérito contra Aécio Neves
O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), enviou para a primeira instância da Justiça um inquérito que investiga o deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG), baseado na delação de executivos do grupo J&F. A investigação tramitava no Supremo porque apura fatos relacionados ao período em que Aécio foi senador (2011 a 2018).

O STF decidiu no ano passado que só permanecem na Corte apurações de supostos crimes cometidos no exercício do mandato e em função do cargo. Com a mudança na carreira política de Aécio, que deixou o Senado para assumir uma cadeira na Câmara, a investigação não é mais de competência do STF, entendeu Marco Aurélio na decisão assinada nesta terça-feira, 5.

Remetido à primeira instância da Justiça Federal de São Paulo, o inquérito apura a relação mantida entre Aécio e o grupo J&F, mirando em supostos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Quando pediu a abertura da investigação, a Procuradoria-Geral da República (PGR) apontou necessidade de apurar o suposto pagamento de propina de R$ 60 milhões feito em 2014 a Aécio através da emissão de notas fiscais frias, por diversas empresas indicadas pelo parlamentar.

A procuradoria também citou pagamento a diversos partidos para apoiarem a candidatura à Presidência da República em 2014, quando foi derrotado por Dilma Rousseff. Desde que o inquérito foi instaurado, Aécio tem negado irregularidades. Procurada, a defesa do senador afirmou que a decisão de enviar o caso para a primeira instância está correta, considerando o novo entendimento do STF.

Aécio se tornou réu em abril do ano passado em função de outro inquérito também relacionado à J&F. Na ocasião, a Primeira Turma do STF decidiu aceitar denúncia em que a PGR acusa o tucano de receber ilicitamente R$ 2 milhões de Joesley Batista, oriundos da J&F, e de atrapalhar as investigações em torno da Operação Lava Jato.

9 comentários:

  1. Quadrilha,crime organizado

    ResponderExcluir
  2. deixe-me ver ladrões foram eleitos de novo pelos imbecis do povo, deixe-me ver, tá até o pescoço atolado nos crimes de tudo que se pode ter idéia, nunca foi investigado por seus comparsas, e agoira com o crime organizado sacramentado no poder será que a gang vai fazer alguma coisa com seu comparsa??? acho que não.

    ResponderExcluir
  3. Até parece que aecio vai ser preso,ele vai fazer que nem collor que disse ques e fosse preso derrubava o congresso todo junto com ele kkkk

    ResponderExcluir
  4. E a Doge Dart do MPF vai blindar ele como fez com temer o vampiro brasileiro que hoje está rindo da cara dos cidadãos desta nação sofrida.

    ResponderExcluir
  5. Hoje está sozinho. PROCURA TEMER.
    KD teus cupinchas que ajudaram TEMER CHEGAR AO PODER.
    Todos te traíram, votaram e estão juntos a BOLSONARO.
    Tu tá no vaso sanitário.
    Judas.

    ResponderExcluir
  6. QUANDO O DEUS "DINHEIRO" ESTÁ ENVOLVIDO NESTE MEIO, NÃO EXISTE LEI, (EXISTE CONVENIÊNCIAS)

    ResponderExcluir
  7. É como diz o DATENA VAGABUNDO, LADRÃO ( igual a muitos que votaram nele)

    ResponderExcluir
  8. ou a gang vai condenar um membro da própria gang aonde??

    ResponderExcluir
  9. É como diz o DATENA: VAGABUNDO, LADRÃO ( igual a muitos que votaram nele)

    ResponderExcluir